Informações gerais sobre alergias. Este site não tem o objetivo de prestar consultas pela internet. Para tirar dúvidas, procure também www.asbairj.org.br e www.blogdaalergia.com

Resposta do CREMERJ à Secretaria de Direito Econômico

Há uma eterna luta entre as entidades que defendem os interesses profissionais dos médicos (CFM, CRMs, AMB e FENAM) e as empresas operadoras de planos de saúde (intermediárias entre o paciente e o médico, um problema criado pela inflação das decadas de 80 e 90). Elas pagam entre R$ 40,00 e 80,00 (uma única empresa, a AMS-Petrobrás paga esse maior valor) por uma consulta médica. Não sou cirurgião, mas sei que há procedimentos cirurgicos que duram horas, ocupam uma manhã ou tarde inteira, incluem a avaliação pos-operatória (com ou sem complicações) e ainda trazem risco de problemas futuros para o médico e que são remunerados por essas empresas com algo como R$ 150,00 ou 200,00. Além disso, os pacientes frequentemente precisam contactar o médico fora de seu horário de consultas, via celular, em momentos variados (oportunos ou não), e o médico atende, usa seu conhecimento para orientar ou tirar dúvidas, e esse trabalho é totalmente gratuito.
Gostaria de lançar o assunto à todos: p.ex., um médico que após 6 anos de faculdade, mais de 25 anos de medicina, 2 anos de residencia medica, mais um ou 2 de especialização, 3 ou 4 anos de mestrado, 1 ano de MBA, além de coordenar um curso de especialização ensinando a outros médicos mais novos e que atende pacientes em, no mínimo, 30 minutos (muitas vezes a consulta se estende por 40, 60 min ou até mais se o caso for complicado). Dá pra trabalhar com os planos, recebendo esses honorários ? Quando iniciante, há mais de 20 anos atrás, era possível e necessário para esse médico, mas e agora ? Está lançado o assunto para discussão. Agradeço opiniões sérias e sensatas que enriqueçam o debate.

Anúncios

Comentários em: "Quanto vale a consulta médica ?" (5)

  1. Silvania Rocha Swib disse:

    Boa tarde,

    Estou de acordo que o valores pagos pelos planos de saúde são completamente fora da realidade, obrigando ao médico muitas vezes a passar por horas de trabalho para manter uma vida digna.
    O problema é que neste país temos uma cultura de não valorizar quem realmente trabalha e as profissões que são importantes. De um lado temos políticos com salários altos e com várias vantagens e do outro, nós as formiguinhas que trabalham.
    Os planos seguem a mesma ideologia de banco, é um mero arrecadador de dinheiro; e o médico tem que aceitar trabalhar com o plano, pois se não aceitar está ferrado. Poucos médicos aqui trabalham de forma particular, com seus consultórios e não dependem de plano de saúde. Mas quantos? Mas… por algum tempo este médico teve que se submeter a exploração para montar uma relação de pacientes e médico e o seu nome ficar conhecido.
    Médico não é como chegar em um balcão e pedir um refrigerante. Eu me consulto com a mesma ginecologista há 10 anos. Gosto do trabalho dela, não a trocaria por nada.
    O Brasil não é um país pobre, subdesenvolvido como muitos falam; o problema todo, no caso dos planos, é que a política aqui não toma parte de quem trabalha, se especializa e faz vários e vários cursos (NÃO SEI PARA QUE TANTO CURSO;TANTO PAPEL); a política é voltada para quem tem o poder do dinheiro.
    Os parlamentares poderiam fazer um projeto de lei que estipulasse um maior valor para a consulta; este valor tinha que ser para todos os planos. Tipo: O mínimo de uma consulta seria de R$ 150,00(acho um preço justo para os dois lados); em relação aos procedimentos mais complicados(partos, cirurgias…), é RIDÍCULO o valor de R$150,00 a 200,00, isto teria que ser contabilizado com gastos e a complexidade da cirurgia.
    Em outros países os planos não tem este poder todo. Vou citar, por exemplo, o Canadá, lá todos tem acesso a saúde, existe uma carteirinha, os planos que existem restringem-se apenas a cobrir tratamento estético e tratamento odontológico em adulto. O médico no Canadá ganha por ano R$ 211 mil e o governo custeia a saúde através da arrecadação de impostos.
    Para onde vai o imposto que todos pagam no Brasil.
    Um país com esta dimensão, com tanto dinheiro arrecadado(imagine se contasse o sonegado) deveria ser menos político. Aqui tudo é complicado, tudo tem que ser licitado, daqui a um tempo para internar uma pessoa morrendo em um hospital vai ter que abrir licitação.
    Deixamos de ser colonia a muito tempo e a mentalidade não mudou quase nada.
    Obrigada pelo espaço.
    Silvania Swib

    • Silvania, eu é que agradeço sua opinião. Concordo com você. Nossa sociedade não valoriza o que tem valor, só o que tem aparência. E o dinheiro dos impostos é muito desviado ou mal empregado. Conheço o sistema canadense, lá todos os médicos são pagos pelo governo de forma digna, mas o acesso a especilistas e procedimentos mais complexos pode ser mais difícil. Também acho que o valor sugerido por vocÊ, de 150,00 reais , é um bom piso. Mas as empresas só querem lucrar com a saúde e a ANS não regula diretamente essa questão fundamental. Saúde e educação não podem entrar na lógica da receita-despesa-lucro da mesma forma que outros bens e serviços. Abraço.

  2. Edeval Miszczak disse:

    concordo com a Silvania. Num país tão importante e com tanta riqueza não se valoriza quem tanto se esforça. Tenho admiração por quem optou pela medicina como carreira profissional. É lamentável que politicos se julguem mais importante que um médico e o povo sem ter alternativa para atendimento digno. Porém., o próprio povo aceita isso.

  3. Assuncao disse:

    Olá, realmente é um assunto que requer atenção… Mais aqui no Brasil que é onde estamos, nunca, jamais uma consulta vai durar mais que 30 min e isso se realmente o médico for paciente… É certo que depende muito do quadro do paciente, mais é mais fácil o paciente passar dias, semanad, morrer para só depois receber o comunicado que sua consulta saiu !

    • Cara Assunção, sou medico há 32 anos, coordeno formação de médicos em especialização há mais de 10 anos e te garanto que eu e os colegas formados por mim demoram mais que 30 minutos, se for necessário. A dificuldade de marcação de consultas não depende do medico, que está lá na ponta, seja no consultorio ou no SUS para atender. Depende do proprio sistema e seus processos (sistemas de regulação e oferta de atendimento, que muitas vezes é pequena no consultorio porque o medico é muito procurado ou pequena no SUS pela má remuneração dos medicos e outros profissionais de saúde). Então, é muito importante dividir as coisas. Há médicos que atendem mal e com pressa, sim, seja no consultorio ou no SUS. Mas há muitos médicos que atuam de forma correta, acolhedora e ética em ambos os locais. Falta de vagas para consultas depende muito mais da capacidade do médico de atender bem no consultorio (e qto melhor ele atende mais demora => menos vagas) e de gestores do sistema e de politicos/governantes no SUS, que não destinam as verbas que deveriam ao sistema, o que impacta na própria gestão e no número de profissionais de saúde disponiveis.
      Tenho consultorio e faço questão de marcar poucas consultas novas, pois gasto entre 30 e 60 minutos nelas para faer um bom trabalho. Também trabalho na UERJ e suas unidades de saúde (HU Pedro Ernesto e Policlinica Piquet Carneiro, que atendem pacientes pelo SUS) estão totalmente sufocadas pelo não pagamento às empresas de limpeza, lavanderia e manutenção. Isso vem do governo do estado, não de médicos ou quaisquer profissionais de saúde. E a mídia costuma muito colocar o médico e profissionais de saúde no foco, como únicos responsáveis pelas mazelas tanto do sistema de saúde suplementar (convenios) como no SUS. Saudações.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Nuvem de tags

%d blogueiros gostam disto: